Notícias

Notícias

Fechar
PUBLICIDADE

Notícias

Espaço especializado em Transtorno do Espectro Autista começa atendimento ao público no dia 15 de janeiro

O espaço vai garantir acesso a uma equipe multiprofissional inteiramente viabilizados pelo SUS.

 

O Núcleo de Atendimento ao Transtorno do Espectro Autista (Natea) inicia o atendimento no dia 15 de janeiro. O espaço vai garantir acesso a uma equipe multiprofissional inteiramente viabilizados pelo Sistema de Regulação do Sistema Único de Saúde (SUS). A expectativa é de que sejam realizados até 300 atendimentos por mês.

O núcleo vai funcionar no Centro Integrado de Inclusão e Reabilitação (CIIR) e vai atender crianças, adolescentes e adultos, mas não funciona com "porta aberta". O atendimento só ocorre a partir de encaminhamento por uma Unidade Básica de Saúde (UBS), de acordo com o previsto pelo Ministério da Saúde para atendimentos especializados.

Serão ofertados os seguintes serviços:

  • Análise do comportamento aplicada (ABA, sigla em inglês)
  • Fonoaudiologia
  • Terapia ocupacional com treino de atividades de lida diária (AVDs)
  • Terapia de integração sensorial
  • Treinos vocacionais
  • Musicoterapia
  • Educação física adaptada
  • Arteterapia

"A expectativa é de um trabalho inovador. Todo atendimento será registrado em um aplicativo, o ABA+, antes utilizado somente pela rede particular, que permite aos profissionais registrar diariamente a evolução de cada paciente. O tratamento será, de acordo com as necessidades, intensivo e semi-intensivo, com prazo de dois anos para alta qualitativa, a depender das evoluções observadas. A necessidade de se estipular um período máximo de atendimento consiste em promover um fluxo de atendimento acessível a todos, ampliar a oportunidade de acesso e corresponsabilizar outros serviços da Rede já existentes", explica Nayara Barbalho, que responde pela Coordenação Estadual de Políticas para o Autismo.

O espaço foi entregue pelo Governo do Pará em dezembro e já o treinamento da equipe já está sendo finalizado, segundo a Secretaria de Estado de Saúde (Sespa). O site da Sespa recebeu 3 mil inscrições para a emissão da Carteira de Identificação da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista (Cipteas). De acordo com a Secretaria, 500 carteiras foram entregues em municípios da região metropolitana de Belém e as demais serão entregues a partir da próxima semana.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Notícias

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE