Notícias

Notícias

Fechar
PUBLICIDADE

Notícias

Projeto Ela Pode, de empreendedorismo feminino, quer capacitar 2 mil mulheres em Belém

Capacitações são gratuitas, ocorrem em dois dias e possuem uma carga horária total de 16h. São trabalhadas as temáticas de assertividade, liderança, redes de relacionamento, finanças e ferramentas digitais.

 

O projeto Ela Pode, de capacitação sobre empreendedorismo feminino, quer capacitar 2 mil mulheres até fevereiro de 2021, em Belém. Coletivos, ações, empresas ou pessoas que atuem nos bairros da Cabanagem, Guamá, Terra Firme, Icuí Guajará, Benguí, Jurunas e Nova União - bairros atendidos pelo projeto - que tiverem interesse em ajudar a levar as capacitações aos seus bairros e queiram ajudar na mobilização, podem entrar em contato pelo e-mail: comunicaelapode@gmail.com ou pelo número (91) 98437-6798.

As capacitações do Ela Pode são totalmente gratuitas, ocorrem em dois dias e possuem uma carga horária total de 16h. Durante a capacitação são trabalhadas as temáticas de assertividade, liderança, redes de relacionamento, finanças e ferramentas digitais relacionando essas temáticas à realidade e vivências das mulheres. Elas ganham a oportunidade de conhecer mais e entender os caminhos para tocar seu negócio ou atividades profissionais.

Com o apoio da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp/UFPA), financiada pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet) em parceria com o TerPaz, o projeto atende sete bairros distribuídos pelos municípios de Belém, Ananindeua e Marituba.

Segundo as idealizadoras do projeto, Jana Borghi, empreendedora e comunicóloga e HelenGonçalves, empreendedora e gestora administrativa, o Ela Pode estimula a busca de autonomia e da construção do conhecimento empreendedor.

"O Ela Pode é muito importante pra comunidade como um todo porque lidamos com o público feminino, que tem uma expressividade muito grande dentro dos bairros. São mulheres chefes de família, mães, que estão à frente de seus negócios a partir de uma necessidade de geração de renda", afirma Helen Gonçalves.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Notícias

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE