Agroindústria

Agroindústria

Fechar
PUBLICIDADE

Agroindústria

França lança plano milionário de apoio a jovens contra crise da Covid-19

Plano tem como objetivo ajudar entre 700 e 800 mil jovens que devem entrar no mercado de trabalho em breve.

 

O governo francês apresentou nesta quinta-feira (23) um ambicioso plano de 6,5 bilhões de euros (R$ 38,8 bilhões) para apoiar os jovens que entram no mercado de trabalho no contexto da pandemia de coronavírus.

Entre outras medidas, o governo oferecerá uma ajuda de 4.000 euros (23.895 reais) à empresas para favorecer a contratação de 450 mil pessoas até janeiro.

Também prevê criar 230 mil contratos de aprendizagem e 100 mil contratos de profissionalização.

  • Líderes da União Europeia dão "últimos passos" para acordo de recuperação após dias de impasse
  • Economia da França deve cair 17% no 2° trimestre apesar da recuperação de maio, diz Insee

O plano tem como objetivo ajudar entre 700.000 e 800.000 jovens que devem entrar no mercado de trabalho em breve, "em um retorno difícil" em setembro, disse o primeiro-ministro francês, Jean Castex, que apresentou o programa após visita a um fábrica em Besançon, que forma jovens trabalhadores.

Para estimular as empresas que hesitam em contratar, o governo criou um bônus para as pessoas que contratarem um jovem com menos de 25 anos entre agosto e janeiro, por um período de pelo menos três meses e um teto equivalente a dois salários mínimo.

O plano também recupera as ajudas que já estavam em vigor desde 1º de julho para promover contratos alternativos (trabalho e estudo ao mesmo tempo) para jovens: auxílio de 5 mil euros (29,9 mil reais) para contratos de jovens com menos de 18 anos e 8 mil euros (47,9 mil reais) se forem maiores de idade.

O governo também proporá 100 mil formações acadêmicas para jovens que não conseguiram avançar para o Ensino Superior, nos setores de transição ecológica, saúde, ou no mundo digital.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Agroindústria

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE