Notícias

Notícias

Fechar
PUBLICIDADE

Notícias

Santarém alcança 88% da meta de vacinação contra influenza, e campanha segue até 23 de julho

Mais de 73 mil pessoas foram imunizadas até o dia 30 de junho. Gestantes e puérperas são grupos que menos se vacinaram. Ministério da Saúde decidiu pela prorrogação.

 

A campanha de vacinação contra a influenza alcançou 73.329 pessoas em Santarém, no oeste do Pará, o que representa 88% dos grupos prioritários - que totalizam 82.872 pessoas. O período de imunização era para encerrar na terça-feira (30), mas o Ministério da Saúde prorrogou novamente o prazo até 23 de julho devido algumas cidades não alcançarem a meta estabelecida.

Embora os números sejam positivos para muitos grupos prioritários, grávidas e puérperas alcançaram apenas 30,48% e 36%, respectivamente, segundo a Divisão de Vigilância em Saúde (Divisa).

Imunização em números

Crianças de 6 meses a menores de 2 anos

  • Já foram imunizadas 9.295 crianças representando 95,46 % deste grupo. A meta total é 9.737.

Gestantes

  • Com a meta de vacinar 4.868, 1.484 gestantes foram imunizadas representando 30,48 %.

Crianças/Gestantes

  • Com a meta de vacinar 14.635, 10.779 crianças/gestante foram imunizadas representando 73,80 %.

Trabalhador de Saúde

  • Com a meta de vacinar 6.517, 7.579 trabalhadores de saúde imunizados, representando 116,30%.

Puérperas

  • Com a meta de vacinar 800, 280 puérperas imunizadas, representando 36 %.

Indígenas

  • Com a meta de vacinar 5.448, 4.888 indígenas imunizados, representando 89,72 %

Adultos de 55 a 59 anos

  • Com a meta de vacinar 8.896, 1.883 adultos de 55 a 59 anos imunizados, representando 21,17%

Idosos

  • Com a meta de vacinar 23.116, 28.761 idosos imunizados, representando 124,42 %.

Este ano, a campanha ganhou um reforço a mais porque os sintomas da influenza (gripe) se confundem com os da Covid-19, então a diferenciação dos sintomas tem como principal aliada a imunização garantindo o tratamento correto e eficaz.

"A vacina contra a gripe não imuniza contra o novo coronavírus, mas a campanha é fundamental para reduzir o número de pessoas com sintomas gripais e respiratórias, o que engaja nossa luta contra a Covid-19", ressaltou o prefeito Nélio Aguiar.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Notícias

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE