Notícias

Notícias

Fechar
PUBLICIDADE

Notícias

Projeto de inserção social de detentos do Crashm realiza doação de hortaliças ao Gracsan

Os detentos participam de forma integral do projeto de cultivo de horta orgânica. Eles plantaram, regaram e tiraram ervas daninhas para proteger as verduras contras as pragas.

 

No Centro de Recuperação Sílvio Hall Moura (Crashm), há o projeto "Renascer" de cultivo de horta orgânica realizado pelos detentos com objetivo de buscar a inserção social. Na terça-feira (30), foram colhidos as hortaliças que foram doadas ao Grupo de Apoio à Criança com Câncer de Santarém (Gracsan), no oeste do Pará.

De acordo com os responsáveis do projeto, a implementação de uma horta dentro das unidades prisionais traz inúmeras vantagens que vão desde o simples plantio e cultivo de alimentos para consumo das pessoas, até à redução do índice de desnutrição deles, favorecendo assim, a solução de outros problemas dentro do cárcere, como a falta de atividades, a baixa autoestima e o sedentarismo, além da efetivação de práticas e políticas que possibilitem a reintegração do detento ao convívio social.

Detentos de Santarém participam integralmente do projetO — Foto: Crashm/Divulgação

Ainda segundo os responsáveis, os detentos participam de forma integral no cultivo da horta. Eles plantaram, regaram, tiraram ervas daninhas e protegeram as verduras contras as pragas. Além de produzir alimentos, eles ainda puderam colher para que a doação à instituição fosse possível.

Por meio da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), do diretor Crashm - coronel Tarcísio de Morais, Ana Raquel Souza (Reinserção Social) e Roseane Costa dos Santos (Serviço Social), os alimentos puderam ser entregues ao Gracsan.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Notícias

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE