Agroindústria

Agroindústria

Fechar
PUBLICIDADE

Agroindústria

Estados Unidos dizem que anexação de parte da Cisjordânia é uma decisão de Israel

Nações árabes insistem em que isso matará as perspectivas de paz na região.

 

O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, deu nesta quarta-feira (24) o sinal verde dos EUA a Israel para anexar terras palestinas apesar das diversas críticas ao plano do Estado judeu.

"Decisões sobre estender a soberania dos israelenses a esses locais são decisões que cabem aos israelenses tomar. Estamos conversando com todos os países da região sobre como podemos administrar esse processo para o nosso objetivo de um Estado final", disse Pompeo à imprensa.

Sua fala ocorreu momentos antes de as Nações Unidas e a Liga Árabe, durante uma sessão do Conselho de Segurança da ONU, unirem-se para pedir que Israel abandone seus planos de anexação de partes da Cisjordânia ocupada.

Países árabes - principalmente a Jordânia, um aliado dos EUA - alertaram contra a indicação do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu de que avançará, na próxima semana, para anexar grande parte da Cisjordânia ocupada. As nações árabes insistem em que isso matará as perspectivas de paz na região.

Pompeo disse, no entanto, que Netanyahu e países do Golfo apoiaram um plano para o Oriente Médio apresentado em janeiro pelo presidente Donald Trump. Este plano dá permissão a Israel para a anexação e permite a instituição de um Estado palestino desmilitarizado.

"Lamento apenas que a Autoridade Palestina tenha se negado a participar", declarou Pompeo.

"Espero que, nas próximas semanas, possamos começar a fazer progressos significativos para alcançar isso", completou, referindo-se ao plano de Trump.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Agroindústria

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE