Notícias

Notícias

Fechar
PUBLICIDADE

Notícias

Município de Monte Alegre entra em lockdown a partir de terça, 23

No município está previsto que haja medidas educativas para quem furar os bloqueios, mas punições mais severas também podem ser aplicadas em caso de desobediência.

 

Como medida para evitar mais contaminações por coronavírus e estimular o adesão ao isolamento social, Monte Alegre, no oeste paraense, entra em lockdown a partir de terça-feira (23). O decreto foi assinado pelo prefeito Jardel Vasconcelos após reunião com o Comitê Gestor de Combate a Covid-19.

A decisão foi tomada baseada no quadro que o município apresenta no momento, com mais de 300 pessoas já confirmadas com a doença e 16 óbitos, com alta probabilidade de agravamento da situação na próxima semana, segundo a Prefeitura.

Em Monte Alegre está previsto que haja medidas educativas para quem furar os bloqueios, mas punições mais severas também podem ser aplicadas em caso de desobediência.

De acordo com o secretário municipal de administração, Salim Sadala, existe grande possibilidade desses números aumentarem, isso é que preocupa as autoridades locais. "É necessário informar a população para se prepararem para o isolamento total. Estamos pedindo a colaboração, ele é entendido como melhor mecanismo de defesa contra esse vírus ”, disse o secretário.

O toque de recolher, também previsto em decreto, continua em vigor até o início do lockdown em Monte Alegre.

O lockdown

O lockdown é uma expressão em inglês que significa confinamento ou fechamento total. É o método mais radical imposto por governos para que as pessoas cumpram o período de distanciamento social. Consiste em fechar uma região, interditando vias, proibindo deslocamentos e viagens não essenciais.

Cada governante decide de que forma será feito esse fechamento. Além disso, serviços considerados essenciais poderão continuar funcionando. Durante o lockdown, na prática, a circulação fica proibida, com exceção de casos de necessidades especiais, como a compra de alimentos, transporte de doentes e realização de serviços de segurança.

O descumprimento da medida pode acarretar multas e até mesmo penas criminais. Para passar pelos controles, as pessoas precisam de declarações das empresas, que atestem que elas desempenham atividade essencial. Nas cidades paraenses onde foi decretado o lockdown, o documento pode ser emitido através de um formulário online.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Notícias

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE