Notícias

Notícias

Fechar
PUBLICIDADE

Notícias

Integrada: 50 mil peixes são soltos no Rio Piquiri.

 
 -   /
/ /

Na edição 2020, ocorrida no final de abril, a regional Goioerê (PR), em parceria com a loja Maçônica Fraternidade Águas Claras de Goioerê, organizou a soltura de 50 mil peixes no Rio Piquiri, rio que nasce em Guarapuava e corta o Estado até o Rio Paraná.

Trabalho em parceria - A soltura contou com a participação da equipe da Força Verde, Policia Militar, membros da loja Maçônica e, também, com a presença do cooperado Eduardo Miyata, um dos incentivadores da preservação ambiental. Representantes de cada entidade ajudaram na tarefa. Neste ano foi feito um trabalho diferente. O número de participantes na soltura foi restringido devido à pandemia do Coronavírus, afirma o gerente da regional, Eraldo Martins. A redução, segundo ele, se deu com o objetivo de evitar uma possível disseminação do vírus.Nas edições anteriores, os alevinos foram soltos no Rio Piquiri com a participação da comunidade, entre elas algumas escolas. “O objetivo é sensibilizar e incentivar as pessoas em relação à preservação do meio ambiente.”, destaca Eraldo.

O projeto - A Integrada, em parceria com empresas e entidades, já soltou desde a criação do projeto, há mais de dez anos, mais de 800 mil peixes, envolvendo mais de mil pessoas nas ações. A iniciativa visa repovoar e preservar a vida aquática, colaborando para a sustentabilidade de todo um ecossistema.

Iniciativa - A soltura de peixes surgiu a partir da ideia do cooperado de Ubiratã (PR), Nelson Paulo de Oliveira, que habitualmente pesca nos rios da região. O agricultor começou a perceber que os peixes estavam sumindo. Com base na necessidade de trazer de volta a biodiversidade, o projeto Nossa Água abraçou a ideia e iniciou junto ao Instituto Ambiental do Paraná (IAP) um estudo para verificar pontos estratégicos para a ação.

Resultados - Foram levantadas as espécies presentes nos rios selecionados e, a partir daí, foi traçado um plano para a soltura dos animais que foram adquiridos de criadouros da região. A soltura surtiu resultado, segundo relato dos próprios pescadores que perceberam o aumento no volume de peixes presentes nos rios.

 

 

PUBLICIDADE

Mais Lidas em Notícias

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE