Pecuária

Pecuária

Fechar
PUBLICIDADE

Pecuária

Integração Lavoura Pecuária: uso de semente incrustada garante maior produção de forragem.

 
 -   /
/ /

Consiste na exploração de atividades agrícolas e pecuárias, de forma integrada, aumentando a eficiência no uso dos recursos naturais, com menor impacto sobre o meio-ambiente, e possibilita maior estabilidade de produção e renda para o produtor.

Segundo Thiago Gaudêncio, supervisor de vendas da Barenbrug, a ILP (sigla para denominar Integração Lavoura Pecuária) é realidade no país há, pelo menos, cinco anos. “É um sistema que tem crescido bastante e a tendência é aumentar ainda mais, uma vez que o preço da arroba do boi está mais competitivo no mercado”, explica Gaudêncio.

Para que sistema funcione corretamente, a utilização de sementes de alta qualidade é essencial. Quando se faz a implementação de forrageiras, pretende-se obter 100% de cobertura do solo, sem a presença de patógenos e contaminação com plantas daninhas. Dessa forma, o produtor deve investir em sementes com alto padrão de qualidade e uniformidade, como a Brachiaria híbrida cv. Mulato II, da Barenbrug do Brasil.

Um dos benefícios entregues por essa forrageira é maior produção de matéria seca na parte aérea, que resulta em maior ganho de peso e lotação por área, entregando mais arroba por hectare. “Em comparação com a Brachiaria ruziziensis, por exemplo, o Mulato II oferece de 16 a 20% a mais de forragem acumulada”, comenta Gaudêncio.

Já em relação à matéria seca de raízes, a braquiária híbrida da Barenbrug também entrega mais ao produtor, 1,1 @/ha a mais em comparação com a Ruzizensis no caso de ciclo de pastejo de quatro meses na entressafra. Essa alta produção resulta em alto incremento do teor de matéria orgânica no solo, por meio da atividade microbiana, e, consequentemente, melhora a fertilidade do solo.

“A ILP intensifica a produção do produtor e garante viabilidade técnica. As forrageiras viabilizam a produção de grãos em solos arenosos e a agricultura proporciona as condições de solo necessárias para explorar o potencial da pecuária”, afirma o supervisor.

A semente do Mulato II é comercializada, com pureza mínima de 95% e com o novo tratamento que recebe a marca Yellow Jacket®. Além de fungicida, a tecnologia Yellow Jacket® inclui inseticidas de amplo espectro, complexo de macro e micronutrientes e bioestimulantes, formulação que proporciona uma maior proteção inicial das plântulas e velocidade no estabelecimento da forrageira na área. Para mais informações

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE