Pecuária

Pecuária

Fechar
PUBLICIDADE

Pecuária

Pesquisa da Embrapa otimiza edição gênica em embriões bovinos.

 
 -   /
/ /

Após um ano e três meses nos EUA, o pesquisador da Embrapa Gado de Leite, Luiz Sérgio Camargo, está de volta ao Brasil trazendo na bagagem a experiência de uma técnica mais avançada em edição gênica. Camargo participou do programa de capacitação Cientista Visitante, promovido pela Embrapa, obtendo bolsa da Capes.

O objetivo do pesquisador foi estudar a técnica de eletroporação no desenvolvimento de sistemas para a edição gênica em embriões bovinos. Segundo Camargo, a técnica é uma alternativa ao procedimento usual de edição gênica por meio de injeção citoplasmática. “Em vez da injeção, utiliza-se a alta voltagem para abrir poros na membrana celular, promovendo a introdução de reagentes na célula”, explica o pesquisador. Segundo ele, esse procedimento é mais eficiente, além de economizar tempo e reduzir os custos com as pesquisas.

O objetivo da edição gênica é otimizar a seleção genômica, promovendo características fenotípicas favoráveis à produção animal. Traduzindo: o que os cientistas buscam é desenvolver animais que produzam mais carne e leite com melhor qualidade e mais resistentes a parasitas, estresses térmico, doenças etc. Camargo afirma que a Embrapa Gado de Leite tem totais condições de introduzir a nova técnica em suas pesquisas sobre biotecnologia em reprodução animal.

A UC - Davis possui um dos melhores centros de pesquisa em animais do mundo e está no topo do ranking entre as universidades que trabalham com ciência animal. Camargo diz que a experiência em participar do programa Cientista Visitante foi muito proveitosa. “Pude conviver com pesquisadores de diversas nacionalidades, com intensa troca de experiências, o que me possibilitou grande crescimento profissional e pessoal”, conclui.

Fontes: DATAGRO, Embrapa

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE