Agroindústria

Agroindústria

Fechar
PUBLICIDADE

Agroindústria

Em São Francisco, Legislativo classifica associação defensora de armas de fogo como terrorista

Cidade da Califórnia classificou a NRA como uma entidade terrorista doméstica; associação responde dizendo que é uma forma de não atrair atenção aos problemas municipais.

 
 -   /
/ /

O legislativo da cidade de São Francisco, no estado da Califórnia, nos Estados Unidos, aprovou uma resolução que classifica a Associação Nacional de Rifles (NRA, na sigla em inglês), a mais tradicional entidade de pessoas ligadas às armas de fogo, como uma organização terrorista doméstica.

O grupo, de acordo com o texto aprovado, é rico e tem capacidade de organização que promove a posse de armas e incentiva donos de armas a praticar atos de violência.

“Todos os países têm pessoas violentas e pessoas odiosas, mas só nos EUA nós damos a elas acesso a armas de ação com alta capacidade, em grande parte por causa da influência da NRA”, de acordo com o texto.

A autora do texto é Catherine Stefani, que afirmou a uma rede de TV que a NRA não fez nada após tiroteios em massa nos EUA.

“Eu farei tudo que eu puder para chamá-los do que eles realmente são, uma organização doméstica terrorista”, afirmou.

A NRA respondeu ao mesmo canal de TV, e disse que os legisladores estão tirando a atenção dos problemas de verdade da cidade de São Francisco.

“A NRA vai continuar a proteger os direitos constitucionais de todos os norte-americanos que amam a liberdade”, disse a entidade na nota.

Ela também subiu um vídeo em seu site, em que a legislação recém-aprovada é citada. Logo depois disso, há cenas de um encontro da NRA em que o chefe-executivo da entidade, Wayne LaPierre, pede para que diferentes profissionais no público levantem.

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE