Agroindústria

Agroindústria

Fechar
PUBLICIDADE

Agroindústria

Garrafa lançada ao mar em memória de vítima de atentado na Inglaterra é encontrada em praia na Itália

Objeto foi jogado por mãe de garota de 14 anos morta na saída de uma casa de shows em Manchester em 2017.

 
 -   /
/ /

Uma garrafa lançada ao mar pela mãe de uma vítima do atentado de Manchester de 2017, em memória de sua filha morta aos 14 anos, foi encontrada em uma praia do sul da Itália, informou neste sábado (13) o jornal "Corriere della Sera".

Em 22 de maio de 2017, o britânico de origem líbia Salman Abedi, de 22 anos, detonou uma bomba na saída de uma casa de shows, matando 22 pessoas (sete crianças e 15 adultos). Mais de 100 pessoas ficaram feridas.

A garrafa lançada no mar, hermeticamente fechada com um selo de cera, tem uma etiqueta com a foto da adolescente, sorrindo, e a menção: "Em afetuosa memória de Sorrell Leczkowski, 5 de fevereiro 2003 - 22 de maio 2017", de acordo com o "Corriere della Sera".

O objeto foi encontrado na região italiana de Puglia pelo prefeito da pequena comuna de Morciano di Leuca, que agora tenta entrar em contato com a família para convidá-la ao local e devolver a garrafa.

"No momento de sua morte, meu coração se partiu em dois", está escrito no texto assinado por "Mamãe".

"Um lado está cheio de dor, o outro morreu com você. Muitas vezes me levanto quando o mundo dorme e ando pelas ruas das minhas lembranças, com lágrimas no rosto. Lembrar de você é fácil. Eu faço isso todos os dias, mas sua ausência é uma dor no meu coração que nunca me deixa", acrescenta o texto, guardado no recipiente junto com um bracelete no qual está gravado o nome da jovem, que vivia nos subúrbios de Leeds, norte da Inglaterra.

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE