Agroindústria

Agroindústria

Fechar
PUBLICIDADE

Agroindústria

República Tcheca tem novo dia de protestos pela renúncia do primeiro-ministro Andrej Babis

Premiê é acusado de fraudar fundos da União Europeia e de nomear ministra da Justiça que dificultaria processo contra ele.

 
 -   /
/ /

Uma manifestação reuniu centenas de milhares de pessoas neste domingo (23) em um parque de Praga, capital da República Tcheca. Os manifestantes pedem a saída do primeiro-ministro Andrej Babis, magnata acusado de fraudar fundos da União Europeia.

De acordo com organizadores, os recentes protestos no país são os maiores desde a queda do comunismo na extinta Tchecoslováquia, em 1989.

Andrej Babis, primeiro-ministro da República Tcheca, em reunião em Bruxelas — Foto: Yves Herman/Arquivo/Reuters Andrej Babis, primeiro-ministro da República Tcheca, em reunião em Bruxelas — Foto: Yves Herman/Arquivo/Reuters

Andrej Babis, primeiro-ministro da República Tcheca, em reunião em Bruxelas — Foto: Yves Herman/Arquivo/Reuters

O premiê Babis, detentor da segunda maior fortuna do país e fundador do gigante agroalimentar Agrofert, foi investigado no ano passado em um caso de suposto desvio de 2 milhões de euros de fundos europeus.

Ele também estaria envolvido em uma situação de conflito de interesse entre suas atividades políticas e seus negócios, segundo rascunhos de uma auditoria da Comissão Europeia cujos trechos foram publicados pela imprensa local. Babis nega as acusações.

Enrolado em bandeira da União Europeia, manifestante protesta contra primeiro-ministro da República Tcheca, Andrej Babis — Foto: Petr David Josek/AP Photo Enrolado em bandeira da União Europeia, manifestante protesta contra primeiro-ministro da República Tcheca, Andrej Babis — Foto: Petr David Josek/AP Photo

Enrolado em bandeira da União Europeia, manifestante protesta contra primeiro-ministro da República Tcheca, Andrej Babis — Foto: Petr David Josek/AP Photo

Na mobilização deste domingo, entre bandeiras tchecas e europeias, cartazes diziam "Babis, renuncie!", "Tenho vergonha do meu premier" e "Basta!".

"Estamos fartos da forma como Babis conduz o país, não queremos que ele guarde o dinheiro e engane quem confia nele", disse Mila Stiburkova, 39 anos, à agência France Presse.

"Babis abusa de todos os sistemas de subsídio, incentivos e isenções fiscais", assinalou o executivo Martin Peroutka, da cidade de Usti nad Labem, nordeste do país.

Protestos na República Tcheca

Manifestantes exibem cartazes e bandeiras da República Tcheca e da União Europeia durante protesto em Praga contra governo de Andrej Babis — Foto: Petr David Josek/AP Photo Manifestantes exibem cartazes e bandeiras da República Tcheca e da União Europeia durante protesto em Praga contra governo de Andrej Babis — Foto: Petr David Josek/AP Photo

Manifestantes exibem cartazes e bandeiras da República Tcheca e da União Europeia durante protesto em Praga contra governo de Andrej Babis — Foto: Petr David Josek/AP Photo

Uma série de protestos contra o primeiro-ministro foram organizadas na capital e em outras localidades do país desde o fim de abril. Os manifestantes também exigem a renúncia da ministra da Justiça, Marie Benesova, aliada de Babis, por temerem que ela possa dificultar o início do julgamento do premiê.

Babis também recebe críticas por ter se filiado ao Partido Comunista antes de 1989 e por supostamente colaborar com a polícia secreta do antigo regime.

O governo do atual premiê é rejeitado principalmente nas cidades mais importantes. Entretanto, o discurso de Babis encontra eco nas regiões rurais e fronteiriças, as mais afetadas pela situação econômica da República Tcheca.

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE