Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Corpo de uma das vítimas de conflito em acampamento rural é encontrado no sudoeste do Pará

O corpo de Antonio Vanderlei Moraes é uma das vítimas do tiroteio ocorrido na última quarta-feira 3 , onde um PM foi morto.

 

Moradores da Vila Mocotó, que fica na região Assuriní entre Senador José Porfírio e Anapu, no sudoeste do Pará, encontraram no último sábado (6), o corpo de Antonio Vanderlei Moraes, que é uma das vítimas do tiroteio ocorrido na última quarta-feira (3). Homens encapuzados invadiram uma propriedade rural da região que terminou na morte do sargento da PM.

Após encontrarem o corpo, a população acionou a Polícia, que enviou homens da Delegacia de Conflitos Agrários de Altamira ao local. Como a região é de difícil acesso, a policia só conseguiu dar inicio a apuração no domingo (7). O caso ainda está sendo investigado pela polícia.

As primeira informação da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) divulgadas ainda na noite de quarta, confirmou duas mortes. No dia seguinte, a Polícia Civil informou que apenas um corpo havia sido encontrado.

Entenda o crime

O sargento da Polícia Militar Valdenilson Rodrigues da Silva, 54, foi morto a tiros na última quarta-feira (3) no sudoeste do Pará. O policial foi encontrado em uma propriedade rural ocupada por posseiros e que foi invadida por um grupo de ao menos seis homens armados. Os peritos da polícia encontraram no local do crime uma grande quantidade de armas e munições incluindo espingardas e pistolas modelo HT40 e 380.

O grupo atirou contra uma residência onde seis pessoas de uma mesma família estavam. Além do Policial Militar outras três pessoas ficaram feridas, um casal e um adolescente de 15 anos. As vítimas estão ainda hospitalizadas em Altamira e devem ser ouvidas após receberem alta.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE