Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

MT: Assessora da prefeitura, jornalista diz que após ser baleada no peito ainda conseguiu ir em casa e depois ao hospital

 
A jornalista Zulene Fernandes, de 35 anos, afirma que foi vítima de um atentado na sexta-feira (15), quando retornava para casa, em Guarantã do Norte, a 720 km de Cuiabá.

Um dos tiros entrou no seio e ficou alojado na axila. Segundo Zulene, ela ainda conseguiu ir até a casa dela, pegar a filha e seguir para o hospital municipal.

“Ao ser atendida pela equipe médica e após a realização do raio-x fui ouvindo dos profissionais que me atendiam que foi um milagre ter sobrevivido ao atentado, pois o percurso dos projeteis foram muito próximos ao coração”, conta ela.

Em texto publicado em uma rede social, a jornalista, que é assessora da Prefeitura de Guarantã do Norte, conta que retornava para casa por volta de 22h, de moto, quando percebeu que um homem, também pilotando uma motocicleta, estava lhe seguindo.

Ela conta que reduziu a velocidade para que o homem a ultrapassasse, porém ele ficou ao lado da vítima, já com uma arma na mão.

“Ele emparelhou sua moto ao lado da minha e, quando me deparei com o elemento, ele estava de arma em punho e iniciou uma sequência de três disparos contra a minha pessoa. No momento só consegui me virar e gritar o nome de Deus”, conta a jornalista.

Ela garante que não sabe quem é o homem que atirou nela e diz que não possui inimizades ou rixas na cidade.

“Quanto ao meu agressor, confio no trabalho da polícia e da Justiça para elucidar o caso, mas acima de tudo entrego nas mãos de Deus, pois a Justiça dele não falha”, diz.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE