Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Venda de ingressos para o show da banda de k-pop BTS em São Paulo tem fila gigante e confusão

Fãs que foram ao Allianz Parque reclamaram da presença de cambistas e da falta de organização na venda de ingressos. Ingressos online esgotaram em menos de uma hora.

 
 -   head  meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec
head meta charset 'utf-8 link rel 'preconnect' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'dns-prefetch' href 'https://cocoon.globo.com link rel 'prec

Os ingressos para o show da banda de k-pop (música pop coreana) BTS em São Paulo começaram a ser vendidos nas bilheterias do Allianz Parque, na Zona Oeste de São Paulo, às 13h30 desta segunda-feira (11), mas muita gente passou o fim de semana na fila para conseguir uma entrada. Houve muita confusão e reclamação de ação de cambistas. O show será no dia 25 de maio.

As vendas online se esgotaram rapidamente, pouco mais de uma hora da liberação das vendas no site Eventim, a mensagem de "ingressos não disponíveis" chamava a atenção. Alguns fãs optaram por ir até a bilheteria no estádio do Palmeiras para tentar comprar.

Venda de ingressos para banda coreana BTS tem confusão em SP  (Vídeo: Priscila Bueno/Arquivo pessoal)

Venda de ingressos para banda coreana BTS tem confusão em SP (Vídeo: Priscila Bueno/Arquivo pessoal)

A estudante Priscila Bueno de Souza afirmou que sofreu transtornos tentando comprar o ingresso online. “Toda vez que eu atualizava a tela aparecia que tinha ingresso cadeira superior de preço normal, mas só consegui abrir a tela para comprar um ingresso depois de mais ou menos 40 minutos quando eu fui direcionada pra compra só aceitava a bandeira cartão elo. Ele até te dava a opção de selecionar outra bandeira mas na hora de concluir a compra dava erro novamente”.

O BTS, grupo de k-pop — Foto: Divulgação O BTS, grupo de k-pop — Foto: Divulgação

O BTS, grupo de k-pop — Foto: Divulgação

A venda oficial na bilheteria estava prevista para ter início às 11h, mas segundo Priscila, a bilheteria foi aberta por volta de 13h30. O local estava com duas filas, uma preferencial e uma normal.

Segundo os fãs muitos idosos que estavam na fila preferencial foram pagos por cambistas para comprar ingressos. Por conta disso houve uma confusão. “Próximo à saída do estacionamento do Bourbon Shopping teve uma confusão porque tinha uma viatura da polícia por ali. Então começou uma discussão porque os policiais estavam querendo saber quem era a pessoa que tinha pedido para comprar e o idoso não sabia falar o nome do cambista”, disse priscila.

O grupo BTS, anunciou a vinda para o Brasil em Fevereiro com a turnê “Love yourself: speak yourself”. A produtora Live Nation afirmou ao G1 que não será aberto um segundo lote de ingressos.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE