Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Victor Chaves fala após vídeo polêmico: '''Condenado socialmente sem ter sido julgado juridicamente'''

Cantor sertanejo fez um longo vídeo para explicar sátira polêmica que citava acusação de agressão e brigas com o irmão, Leo.

 

Na noite desta quinta-feira (14), Victor Chaves fez um longo vídeo em seu Instagram para falar sobre a sátira que publicou em seu Instagram no início da semana. Nela, o cantor sertanejo citava as acusações de agressão contra a ex-mulher, Poliana Bagatini, em 2017, e as supostas brigas com o irmão Leo, com quem vive um momento de pausa profissional. Em agosto, a dupla Victor e Leo anunciou “uma pausa prolongada sem data para retorno”.

Victor inicia a gravação repetindo que o vídeo se trata de uma sátira e que tinha uma intenção muito séria ao gravá-la.

“Não tem com ser uma brincadeira porque eu não brincaria com fatos da minha própria vida. Não faria sentido".

"Por isso esse vídeo a uma apologia sobre essa publicação, no sentido de esclarecer alguns pontos que foram mal interpretados”, diz o cantor, que foi bastante criticado em sua publicação.

Victor, então, explica o perfil de cada um dos personagens -- entrevistador e entrevistado -- interpretados por ele no vídeo e faz uma análise das três perguntas citadas.

"Esses dois personagens começam a atuar quando vem a primeira pergunta. Quando ela vai da primeira palavra até a última, ela cai no ridículo. Não dá para misturar 15 chutes na barriga de alguém com futebol. Esse cunho ridículo é motivo de riso da parte do entrevistado. Um riso quase doentio, que ultrapassa o ridículo".

"Primeiro ponto, essa acusação caiu e a parte do futebol é respondida por isso. A primeira não tem sobre o que responder", diz ele, que segue com explicações sobre a acusação de vias de fato pela qual foi indiciado.

Brigas entre Victor e Leo

Victor também fala sobre a pausa da dupla Victor e Leo.

“Parece que é difícil aceitar que uma dupla muito popular e de sucesso pare de comum acordo. Eu e Leo paramos de comum acordo. Estamos muito bem com isso. Foi uma atitude estudada, pensada, ensaiada. Levou tempo pra gente se organizar para isso”, começa o cantor.

“Tentaram arranjar um desfecho para a parada da dupla Victor e Leo. Paramos porque quisemos. Mas a mídia encontra um campo fértil em pessoas que não vão questionar nem raciocinar e diz que a dupla parou tentando conectar com a acusação que eu tinha sofrido. Isso não pegou, não rolou, não funcionou, aí arranjaram outro álibi com matérias chamativas dizendo que a gente ficou 27 anos brigando e por isso a dupla parou. Poxa, se fosse assim já tínhamos parado no primeiro ano”.

Victor segue falando sobre a motivação da sátira.

“Preocupado com a situação que a gente está vivendo em acordo com os fatos que eu vivi. Por ter sido condenado socialmente sem ter sido julgado juridicamente. E aí depois disso, alguma coisa parece frustrar algumas pessoas. Algumas pessoas olham e falam: ‘poxa, investi tanto na agressão conta esse cara e agora ele não é criminoso?’ Parecem não aceitar esse fato. Parecem frustrados”.

“Acredito num mundo melhor e o ensejo dessa sátira, desse vídeo, é provocar quem quer que seja para isso. Pra que você possa viver num mundo que seja possível discordar sem agredir, que seja possível discordar respeitando, sem xingamentos, sem hostilidade. É possível”.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE