Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Parlamento britânico aprova exigência de '''plano B''' em três dias caso acordo do Brexit não seja aprovado

Antes, esse prazo era de 21 dias. Não está claro o que pode acontecer caso o acordo do Brexit seja rejeitado no Parlamento na semana que vem.

 

O Parlamento britânico aprovou nesta terça-feira (9) uma emenda que obriga o governo da premiê Theresa May a apresentar, em um prazo de três dias, um "plano B" para o Brexit caso o acordo não seja aprovado na votação da próxima terça-feira (15). Antes, esse prazo era de 21 dias.

A emenda foi aprovada por 308 votos a favor e 297 contrários.

Brexit é como é chamado o processo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE). O Parlamento do britânico vai votar, na próxima terça, o acordo que a premiê Theresa May negociou com a UE. Mas a maioria dos deputados é contrária ao texto. Não está claro o que pode acontecer caso ele seja rejeitado.

Entenda a polêmica sobre o Brexit em 11 perguntas

Caso o acordo do Brexit não seja aprovado no Parlamento na semana que vem, em tese o Reino Unido sai da UE sem um acordo. Está previsto em lei que isso ocorra às 23h do dia 29 de março (horário de Londres).

Eventualmente, caso todos os 28 membros da União Europeia concordem, essa data poder ser estendida. Outra possibilidade é que May tente aprovar o acordo no Parlamento mais uma vez. Uma outra hipótese, menos provável, seria uma novo referendo sobre o Brexit. Aí, haveria a possibilidade de a saída do Reino Unido da UE sequer acontecer.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE