Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Controlado incêndio na Espanha que queimou mais de 3.200 hectares

Chamas tiveram início na segunda-feira e foram provocadas por um raio durante forte tempestade. Cerca de 3 mil pessoas tiveram que deixar suas casas na região de Valencia, mas maioria já recebeu autorização para voltar.

 
 -  Helicóptero ajuda no combate a incêndio florestal em Pinet, na região de Valencia, na Espanha, no dia 7 de agosto  Foto: José Jordan/AFP
Helicóptero ajuda no combate a incêndio florestal em Pinet, na região de Valencia, na Espanha, no dia 7 de agosto Foto: José Jordan/AFP

Um incêndio florestal que desde segunda-feira queimou mais de 3.200 hectares e levou à evacuação de 3 mil pessoas foi controlado na noite desta sexta-feira (10), informaram os serviços de emergência da região de Valencia (leste).

"O incêndio está controlado", indicou em sua conta do Twitter o serviço 112 de Valencia, que havia reportado nas últimas horas uma melhora nas condições meteorológicas, com chuvas.

Incêndio florestal em Pinet, na região de Valencia, na Espanha, no dia 7 de agosto (Foto: José Jordan/AFP) Incêndio florestal em Pinet, na região de Valencia, na Espanha, no dia 7 de agosto (Foto: José Jordan/AFP)

Incêndio florestal em Pinet, na região de Valencia, na Espanha, no dia 7 de agosto (Foto: José Jordan/AFP)

O fogo, que ainda deve ser extinguido de forma definitiva, foi desencadeado perto da população de Llutxent por um raio que caiu durante uma trovoada na segunda-feira, e desde então centenas de bombeiros e cerca de 30 meios aéreos participaram nos trabalhos de extinção.

Devido à proximidade do fogo com zonas urbanas, até 3 mil pessoas tiveram que ser desalojadas de suas casas nos últimos dias, mas a maior parte já pôde regressar, segundo as autoridades regionais.

O incêndio ocorreu em meio a uma intensa onda de calor, que se estendeu de 1 a 8 de agosto, e que deixou 14 mortos em toda a Espanha.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE