Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Três vítimas de acidente envolvendo táxi em Juiz de Fora tiveram alta do HPS

Acidente e atropelamento foram registrados na noite de segunda 16 . Caso foi encaminhado para apuração na Polícia Civil.

 
 -  Taxista, passageira e rapaz atropelado na calçada já receberam alta após acidente no início da noite de segunda  16  em Juiz de Fora  Foto: Bruno Rib
Taxista, passageira e rapaz atropelado na calçada já receberam alta após acidente no início da noite de segunda 16 em Juiz de Fora Foto: Bruno Rib

Três dos quatro feridos em um acidente e atropelamento envolvendo um táxi no Bairro Manoel Honório em Juiz de Fora tiveram alta hospitalar. A informação foi confirmada pela assessoria da Secretaria de Saúde nesta quarta-feira (16).

Foram liberados nesta terça-feira (15) no Hospital de Pronto Socorro (HPS) o taxista, de 23 anos, a passageira, de 68, e o rapaz, de 28, que foi atropelado na calçada. Não foi possível apurar o estado de saúde do menino de 3 anos que também foi atingido no passeio, porque o nome da criança não foi informado pela Polícia Militar (PM) e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

De acordo com a assessoria da Polícia Civil, o caso foi encaminhado para apuração na 5ª Delegacia.

Acidente no cruzamento

De acordo com a PM, o taxista perdeu o controle da direção, atingiu um poste, outro carro e um rapaz de 28 anos e o filho de 3 anos que estavam na calçada na esquina das avenida Brasil com Rio Branco. O semáforo também foi danificado.

O motorista do carro atingido, de 57 anos, contou que dirigia pela faixa da direita, sentido Manoel Honório e ao cruzar a Avenida Brasil, percebeu que o táxi atingiu o poste e, em seguida, a parte traseira direita do veículo dele.

O taxista, de 23 anos, relatou que realizava uma corrida do Centro para o Bairro Progresso, transportando a idosa de 68 anos e que não se recorda como aconteceu o acidente. A passageira confirmou que solicitou a corrida e também não sabia explicar como ocorreu o acidente.

O rapaz de 28 anos disse que estava na calçada empurrando o carrinho de bebê com o filho de 3 anos e que foi surpreendido pelo táxi, que atingiu primeiro o poste e atropelou os dois em seguida.

Como não havia irregularidade com documentação, a PM explicou que o táxi foi liberado para o custodiante, que seria um responsável pelo veículo.

A ocorrência informou que o técnico da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e a perícia técnica também estiveram no local.

Acidente envolvendo táxi deixa quatro feridos no Bairro Manoel Honório em Juiz de Fora

Acidente envolvendo táxi deixa quatro feridos no Bairro Manoel Honório em Juiz de Fora

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE