Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Calçadas quebradas e galerias cheias de lixo transformam Belo Centro em cenário de abandono

A Rua Lameira Bittencourt é o principal corredor do comércio de rua de Santarém.

 
 -  Situação do principal corredor de comércio de rua de Santarém  Foto: Reprodução/Redes sociais
Situação do principal corredor de comércio de rua de Santarém Foto: Reprodução/Redes sociais

Calçadas quebradas e galerias obstruídas pelo lixo. Esse é o retrato da Lameira Bittencourt, no trecho batizado de Belo Centro, em Santarém, oeste do Pará. O local foi construído para proporcionar aos lojistas e, principalmente, consumidores, mais conforto na hora das compras. Porém, não é esse o cenário que se vê por lá.

O G1 esteve no Belo Centro e conversou com diversos consumidores que transitavam pelo lugar, e todos avaliaram que o local parece abandonado. Antônio Silva, vendedor há mais de 20 anos no Centro da cidade de Santarém, no oeste do Pará, falou que a situação piora muito quando chove, obstruindo as galerias, que segundo ele, não recebem manutenção há muito tempo.

Galeria obstruída pelo lixo no Belo Centro em Santarém (Foto: Reprodução/Redes sociais) Galeria obstruída pelo lixo no Belo Centro em Santarém (Foto: Reprodução/Redes sociais)

Galeria obstruída pelo lixo no Belo Centro em Santarém (Foto: Reprodução/Redes sociais)

O representante da Câmara Setorial do Comércio, Fábio Aguiar, disse que a Associação de Comercial e Empresarial de Santarém (Aces), já solicitou, desde o ano de 2017, via requerimento na Câmara Municipal de Santarém, que fosse feita a revitalização do Belo Centro.

“Solicitamos para a Secretaria de Infraestrutura que fosse feita a revitalização e manutenção das galerias, retoque nas pinturas, fechamento dos buracos, que estão cada vez maiores no Belo Centro, porém nada disso foi feito. A situação só está piorando, e nós não temos nenhuma resposta do governo municipal”, disse Fábio Aguiar.

Representante da Câmara Setorial do Comércio, Fábio Aguiar (Foto: Marilha Maia/G1) Representante da Câmara Setorial do Comércio, Fábio Aguiar (Foto: Marilha Maia/G1)

Representante da Câmara Setorial do Comércio, Fábio Aguiar (Foto: Marilha Maia/G1)

Ainda segundo Fábio Aguiar, uma comissão da Aces reuniu com a Secretaria Municipal de Infraestrutura para tratar da situação do Belo Centro, mas não obteve êxito. A única ação da Seminfra, segundo ele, foi a limpeza das galerias, há algum tempo. “O Belo Centro não é mais belo”, lamentou o representante da Comissão de Comércio em Santarém.

Em nota, a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) informou que já realizou a desobstrução dos bueiros do Belo Centro e reitera que está aguardando a chegada de materiais para fazer o serviço de recuperação.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE