Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Craig Mack, rapper americano, morre aos 46 anos nos EUA

Músico teve insuficiência cardíaca em hospital nesta segunda-feira 12 , diz produtor. Ele ganhou fama com Flava in ya ear e foi 1º artista a lançar disco por gravadora de Puff Daddy.

 
 -  O rappers FunkFlex e Craig Mack em foto publicada no Instagram  Foto: Reprodução/Instagram/FunkFlex
O rappers FunkFlex e Craig Mack em foto publicada no Instagram Foto: Reprodução/Instagram/FunkFlex

Craig Mack, uma estrela rap nos anos 1990, morreu nesta segunda-feira (12), aos 46 anos, informa a imprensa americana nesta terça (13).

Alvin Toney, produtor do músico, disse ao "New York Daily News" que ele teve insuficiência cardíaca em um hospital perto de sua casa na Carolina do Sul (EUA).

Mack ganhou fama em 1994 com o single "Flava in ya ear", indicada ao Grammy no ano seguinte.

Ele foi o primeiro artista a lançar um álbum - "Project: Funk da world" (1994) - pela Bad Boy Records, gravadora fundada pelo rapper e produtor Puff Daddy (também conhecido como Diddy e P. Diddy).

Mack ainda lançou outro álbum nos anos 90, "Operation: Get down" (1997), mas por anos se afastou da música para dedicar sua vida à religião. No ano passado, retornou com o disco "Mack world sessions".

Erick Sermon, do grupo americano de hip hop EPMD, disse que o cantor estava trabalhando em material novo antes de morrer. "Estou arrasado com a notícia de Craig Mack. Nós acabamos de terminar seu novo álbum", escreveu no Twitter.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE