Esportes

Esportes

Fechar
PUBLICIDADE

Esportes

Dado Cavalcanti é apresentado pela terceira vez na Curuzu

 
 - Dado Cavalcanti diz que voltou com mais maturidade e avalia que elenco atual do Paysandu é bom  Foto: Irene Almeida
Dado Cavalcanti diz que voltou com mais maturidade e avalia que elenco atual do Paysandu é bom Foto: Irene Almeida

Apresentado na Curuzu pela terceira vez em pouco mais de três anos, o técnico pernambucano Dado Cavalcanti retornou ao Paysandu aproveitando o pouco tempo antes da estreia, no confronto contra o Paraupebas no sábado (17), fora de casa, pelo Campeonato Paraense. 

  • Veja a galeria da chegada de Dado

De pronto, Cavalcanti foi a campo e comandou um treino técnico. Campeão paraense e da Copa Verde em 2016, o treinador admite que a Série B é o objetivo principal do ano, mas não descartou os outros frontes bicolores. “Não vamos priorizar o Campeonato Paraense ou a Copa Verde, o elenco é forte suficiente para encarar as duas competições”, disse.

Dado afirmou que sempre acompanha os jogos do Papão, mas que por não estar no clube, até então, vai precisar de alguns dias pra impor seu ritmo. “Não estava vivenciando as coisas do Paysandu, então não tenho o direito de julgar a equipe. Tenho minhas observações e vou procurar mudar para melhor”, afirmou.

“O clube evoluiu quanto à estrutura e tem um elenco muito bom. O trabalho já foi iniciado e espero que seja um ano de conquistas”, completou o treinador, que entre elogios às melhorias na estrutura do clube e à qualidade do elenco, deixou claro que o objetivo principal do ano é a busca pelo acesso à primeira divisão.

O QUE PENSA O TREINADOR

MUDANÇA

“Falo em amadurecimento, um pouco de casca na condução de trabalho. Creio eu aumentei meu repertório. Estava numa condição de instrução nos cursos da CBF e isso me forçou a estudar mais ainda ver mais jogos. Trago mais conteúdo, mais informações. Os conceitos e o perfil de trabalho são os mesmos. Sou enérgico, que grita e cobra, isso não muda”.

ROGERINHO GAMELEIRA

“A comissão está montada. Hoje o Aílton está no cargo e é um excelente profissional. Meu objetivo é dar sequência ao trabalho que já iniciou. Esse direcionamento já havia sido feito e vou dar continuidade. Quem é profissional precisa de oportunidades. Trabalhei com o Rogério e hoje trabalho com o Aílton”.

CONTATO COM O ELENCO

“O primeiro contato foi de conhecimento, passar minha forma de trabalhar e conhecer os atletas. Já vinha acompanhando o Paysandu e quando tive a primeira conversa com a diretoria fui atrás de mais informações. Tudo o que foi passado ao Marquinhos Santos me foi dado, conheço muitos dos jogadores e vou usar isso para encurtar um tempo que, basicamente, não existe. O importante é que estou muito motivado e vi motivação nos atletas”.

BUSCA PELO ACESSO

“É um sonho de todos nós, do torcedor ao diretor e meu também. É a cereja do bolo de um trabalho e, sem sombra de dúvida, o principal objetivo do ano. Não vamos esquecer as competições regionais, mas subir para a primeira divisão é muito importante”.

ELENCO

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE