Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Tiroteio em UPA durante tentativa de resgate de preso deixa 5 feridos, diz PM

 
Cinco pessoas ficaram feridas, entre elas um bebê de 6 meses, durante um tiroteiro na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Morada do Ouro, em Cuiabá, na tarde desta terça-feira (13). Segundo a Polícia Militar, os bandidos tentavam resgatar um preso que foi levado para a unidade após passar mal no Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC).

As vítimas foram levadas para o Pronto Socorro de Cuiabá. Segundo a PM, o bebê foi atingido por dois disparos, sendo um nas costas e em uma das mãos. A mãe da criança, que tem 22 anos, também foi baleada no braço esquerdo. Um outra mulher, de 32 anos, foi baleada no tórax e uma enfermeira, de 51 anos, foi atingida na perna.

De acordo com a Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh-MT), um dos agentes penitenciários que fazia a escolta do detento tem 33 anos e foi baleado duas vezes em uma das pernas durante o confronto com os bandidos. Ele foi socorrido e passa bem.

Cinco pessoas ficaram feridas durante tiroteio na UPA Morada do Ouro (Foto: Leandro Agostini/Centro América FM)Cinco pessoas ficaram feridas durante tiroteio na UPA Morada do Ouro (Foto: Leandro Agostini/Centro América FM)Cinco pessoas ficaram feridas durante tiroteio na UPA Morada do Ouro (Foto: Leandro Agostini/Centro América FM)

Segundo a Secretária de Saúde de Cuiabá, Elizeth de Araújo, uma enfermeira e um policial também foram atingidos durante o ataque.

"Os atendimentos na unidade devem ser suspensos. Já mandados outros funcionários para casa, porque estão todos abalados", disse a secretária.

Confronto ocorreu durante tentativa de resgate de preso em unidade de saúde (Foto: Leandro Agostini/Centro América FM)Confronto ocorreu durante tentativa de resgate de preso em unidade de saúde (Foto: Leandro Agostini/Centro América FM)Confronto ocorreu durante tentativa de resgate de preso em unidade de saúde (Foto: Leandro Agostini/Centro América FM)

Ainda segundo a Sejudh-MT, o detento José Edmilson Bezerra Filho, de 30 anos, que recebia atendimento na unidade, não foi resgatado. Ele responde a vários processos judiciais, entre eles, homicídio. A escolta que fazia a segurança do preso foi reforçada até a conclusão do atendimento médico.

 

 

 

Veja mais:

PUBLICIDADE
Tecnologia O curioso modo como é fabricado um processador
Variedades E se você colocar conhaque no cabelo?
Imagens 13 enganos em fotos
Autos e Motos Miniatura de um Volkswagen Karmann Ghia
Turismo Os lugares mais incríveis mas que você não tem permissão para visitar
Variedades Saiba porque os pacotes de batatas tem tanto ar
Saúde e Bem Estar Fumar ajuda perder peso? Veja como esse mito deixou doente milhões de adolescentes no mundo
Saúde e Bem Estar Seis sinais de desequilíbrio hormonal que você não deve ignorar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE