Política

Política

Fechar
PUBLICIDADE

Política

Metralhar a Rocinha: Declaração atribuida à Jair Bolsonaro seria fake news

Nenhuma das mais de mil pessoas presentes no local diz ter ouvido e não existe nenhum registro em áudio ou vídeo

 
 -

O jornalista do O Globo, Lauro Jardim, há dois dias publicou que num evento promovido pelo BTG, o pré-candidato à presidência deputado Jair Bolsonaro, teria dito que poderia fuzilar a Rocinha.

O texto foi amplamente compartilhado e comentado em vários veículos da imprensa desde então, contudo, diversas pessoas   de uma plateia de mil executivos do mercado financeiro que estavam no evento garantem que nada disso foi dito pelo deputado.

De onde Lauro Jardim tirou a informação ainda não foi informado, já que não apareceu até agora nenhum áudio ou vídeo com essas declarações.

Lauro Jardim é o mesmo jornalista usado pelos irmãos Batistas da JBS, que se encontram presos, para divulgar um áudio clandestino feito contra o presidente Michel Temer, mas que tiveram partes removidas que poderiam lhes incriminar. Mais tarde, os Batistas ganharam espaço na televisão tentando se passar se vítimas e propondo soluções para os problemas políticos e de corrupção do Brasil. Contudo, um áudio apagado e posteriormente recuperado, não por Lauro Jardim mas por investigadoores do Ministério Público, revelaram que eles tentavam não só manipular a opinião pública como a justiça. O que acabou dando fôlego à Temer, que se encontra até o pescoço envolvido em denúncias de corrupção.

O deputado Jair Bolsonaro gravou um vídeo onde pede ao jornalista de onde ele obteve essa informação, já que apesar de não estar no local, foi o único jornalista que o divulgou. Vamos aguardar, já que um jornalista renomado não pode ter dados duas "barrigadas" em tão pouco tempo.

 

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE