Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Cerca de 200 servidores ficam sem receber salário por falta de recadastramento em Divinópolis

Maior parte ainda está na ativa e só receberá o pagamento após a regularização junto ao Diviprev, segundo Prefeitura.

 
 -  Para ter o pagamento liberado, os servidores precisam atualizar o cadastro no Diviprev  Foto: Ascom/Prefeitura de Divinópolis
Para ter o pagamento liberado, os servidores precisam atualizar o cadastro no Diviprev Foto: Ascom/Prefeitura de Divinópolis

Exatos 201 servidores municipais de Divinópolis estão com o salário bloqueado- a maior parte deles ainda na ativa. Segundo a Prefeitura, os benefícios foram bloqueados porque os trabalhadores não realizaram o Censo Previdenciário. Para ter o pagamento liberado, os servidores precisam atualizar o cadastro.

De acordo com a assessoria de comunicação da Prefeitura, dos 201 servidores que ficaram sem receber os salários, 199 ainda estão na ativa. O prazo para os servidores se recadastrarem no Censo Previdenciário do Instituto de Previdência dos Servidores de Divinópolis (Diviprev) terminou em 30 de novembro de 2017.

O Município informa que os funcionários que ainda não se recadastraram deverão comparecer no Diviprev, o mais rápido possível, para regularizar a situação. O pagamento somente será desbloqueado após a atualização cadastral.

Censo

O Diviprev iniciou o Censo Previdenciário em 1º de agosto de 2017 para os servidores ativos e terminou em 31 de outubro, quando quase 600 servidores não haviam comparecido. O prazo foi prorrogado até 30 de novembro. O recadastramento é obrigatório e está previsto na Lei Federal 10.887, de 18 de junho de 2004.

A lista de documentos necessários para atualização cadastral está disponível no site da Prefeitura e no site do Diviprev. O Diviprev fica localizado na rua Rio de Janeiro, 426, Centro.

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE