Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Acusado de matar jovem e balear grávida e adolescente é absolvido em Juiz de Fora

Jurados acataram versão apresentada pela defesa no julgamento desta quarta-feira 6 .

 

O rapaz, de 28 anos, acusado de matar um jovem e balear uma grávida e um adolescente foi absolvido pelo Conselho de Sentença do Tribunal do Júri de Juiz de Fora. O crime foi em setembro de 2015, no Bairro Santa Cândida, e o julgamento foi realizado nesta quarta-feira (6). O rapaz também foi inocentado do crime de corrupção de menores, pela suspeita de ter sido ajudado por um adolescente.

De acordo com o juiz Paulo Tristão, que presidiu o julgamento, cabe recurso, que pode ser apresentado pelo Ministério Público (MP) ou pela família das vítimas.

Após o julgamento, o réu foi novamente encaminhado ao sistema prisional até que ocorra os procedimentos para que ele seja libertado. De acordo com a Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap), ele ainda está preso na Penitenciária de Ponte Nova, para onde foi transferido em janeiro deste ano.

Versões diferentes

De acordo com a denúncia, o réu e outro suspeito, que seria um adolescente, passaram de carro no dia 3 de setembro de 2015 pela Rua Pedro Paulo Vieira, onde se encontrava a vítima, em meio a várias pessoas, e disparou diversas vezes, acertando três tiros no jovem, que era o alvo da dupla, e baleando também a grávida e o adolescente. O rapaz foi localizado e preso em flagrante no mesmo dia e encaminhado ao Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp).

Durante o julgamento desta quarta, foram ouvidas testemunhas de defesa e acusação que apresentaram versões diferentes sobre o papel do réu no crime. Familiares da vítima reconheceram ele como um dos autores dos disparos, enquanto outras testemunhas informaram que ele estava em casa na hora do fato.

Também foi lido o depoimento do adolescente na audiência de instrução, que confessou que estava no carro e assumiu, sozinho, total responsabilidade pelo crime.

Os sete jurados acolheram a tese de negativa de autoria do homicídio, duas tentativas e da corrupção do menor e decidiram pela absolvição do rapaz de 28 anos.

De acordo com o juiz Paulo Tristão, o réu foi encaminhado para o sistema prisional, que adotará os procedimentos para ser libertado. Sobre a confissão do adolescente, o juiz informou que irá remeter o processo para a Vara de Infância e Juventude.

 

 

 

Veja mais:

PUBLICIDADE
Saúde e Bem Estar Parada cardíaca durante o sexo: Quais são as chances em homens?
Variedades O que acontece com os silicones das mulheres após a morte? Parece irreal, mas é verdade
Variedades Como plantar abacate em casa?
Saúde e Bem Estar Tatuagens podem causar doenças, saiba os riscos antes de fazê-las
Imagens TOP 30 fotos impressionantes capturadas no momento certo
Saúde e Bem Estar 7 cuidados que devemos ter quando vamos entrar ou sair do inverno
Variedades Super Heróis em situações inusitadas
Artes Imagens de trabalho de Andrew Hickinbottom
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE