Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Pelo menos 2 mil estudantes farão a prova do Encceja em Santarém no dia 19 de novembro

Exame garante a certificação do ensino fundamental e médio. As provas serão aplicadas em cinco escolas de Santarém.

 
 -  Encceja será aplicado em cinco escolas de Santarém  Foto: BDBR
Encceja será aplicado em cinco escolas de Santarém Foto: BDBR

As provas do novo formato de garantir a certificação do ensino fundamental e médio, chamado de Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) será aplicado no próximo domingo (19) em todo o Brasil. Em Santarém, no oeste do Pará, pelo menos dois mil estudantes realizarão a prova em cinco escolas do município.

Com o mesmo objetivo, só que anteriormente aplicada no Enem, a prova é destinada a certificar o ensino para pessoas que não concluíram a educação básica na idade certa. “A prova tem a mesma configuração do Exame Nacional do Ensino Médio. É dividida em quatro áreas de conhecimento, mas a diferença está no número de questões, que no Encceja são 30 para cada disciplina, além da redação. A quantidade de alternativas também é um diferencial, que são quatro (de “a” a “d”). Assim como também a duração da prova que é somente em um dia”, explicou o coordenador municipal do Encceja, Jeremias Santos.

Em Santarém as provas serão aplicadas nas Escolas Rio Tapajós, Almirante Soares Dutra, Madre Imaculada, Julia Gonçalves Passarinho e na Escola Diocesana São Francisco. O polo do Encceja em Santarém abrange os municípios de Belterra, Mojuí dos Campos, Aveiro e Santarém, mas isso não impede de ter estudantes de outros municípios inscritos, segundo o coordenador municipal.

Para o Ensino Fundamental as áreas são de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes, educação física e redação, matemática, história e geografia, além de ciências naturais. Já para o ensino médio é linguagens, códigos e suas tecnologias e redação, matemática e suas tecnologias, ciências humanas e suas tecnologias, e ciências da natureza e suas tecnologias.

Para obter a certificação, o participante deve alcançar uma pontuação mínima nas provas objetivas e na redação. Para alcançar a proficiência, exige-se que o estudante alcance 100 pontos de 200 em cada disciplina, ou seja, um aproveitamento de 50%. Da mesma forma, a redação também precisa de um aproveitamento de pelo menos 50%.

Quem não atingir a pontuação mínima exigida poderá fazer novamente o exame e tentar novamente a certificação. Além disso, é possível solicitar o aproveitamento dos resultados de uma ou mais áreas do conhecimento em que o aluno tenha sido aprovado em edições anteriores do exame. Nesse caso, exige-se que seja apresentada, junto à Unidade Certificadora (as Secretarias da Educação), a Declaração de Proficiência, comprovando a aprovação naquela disciplina, para eliminação daquele componente curricular.

Os resultados do Encceja levam em média três meses para serem divulgados, entre o início da coleta até a liberação de dados. Os resultados são disponibilizados online, na página do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

 

 

 

PUBLICIDADE
Ecologia Artista Sophie Gamand fotografa pit bulls com florais para mostrar seu lado suave e incentivar adoção
Games Teste: Encontre o único dado com sete bolas
Variedades Nostalgia: Relembre antigos produtos e marcas
Variedades Algumas maneiras originais de usar o lenço de outono!
Comportamento Homens atraentes são mais egoístas, diz estudo
Mangás e Animes 15 frases de Homer Simpson que demonstram sua sabedoria
Turismo Incríveis lugares abandonados
Comportamento Penetração dolorosa: causas e remédios para lidar com isso
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE