Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Prefeito de Tucuruí é afastado pela Justiça

 
 -   Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O Tribunal de Justiça em Tucuruí determinou o afastamento imediato do prefeito da cidade, Artur Brito (PV), nesta segunda-feira (13). Ele está sendo acusado de crimes de improbidade administrativa, ao direcionar contratos e licitações para um amigo e empresário local. O afastamento já havia sido pedido pelo Ministério Público do Estado em maio deste ano, mas somente agora o juiz da 1ª Vara Cível e Empresarial, Pedro Enrico de Oliveira, decidiu pelo afastamento.

Em nota, a assessoria do prefeito afastado informou que ele irá cumprir a decisão da Justiça, mas que entrará com um mandado de segurança no Tribunal de Justiça do Estado, pedindo o reingresso no cargo. A nota chama as denúncias de 'vazias', e as considera como uma retaliação por parte do denunciante, uma empresa contratada pela gestão anterior e que teve seus contratos rescindidos na gestão de Artur.

CORRUPÇÃO, MÃE, PISTOLEIROS E PODER

Este é mais um episódio da história de corrupção, conspiração e morte envolvendo o poder público de Tucuruí. Artur Brito também é acusado, junto com sua mãe, a empresária Josenilde Silva Brito, de mandar matar o então prefeito Jones William da Silva Galvão, em julho deste ano. Josenilde cumpre prisão temporária no Centro de Recuperação Feminino, em Ananindeua.

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE