Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Juiz solta morador que foi preso após matar ladrão que caiu na piscina em MT

Assaltante foi atingido no coração, andou alguns metros e caiu na piscina da casa. Juiz concedeu liberdade ao morador e não estabeleceu nenhuma medida restritiva.

 
 -  Arma usada no crime também foi parar na piscina da casa  Foto: Poconet
Arma usada no crime também foi parar na piscina da casa Foto: Poconet

O morador que foi preso ao reagir a um assalto na casa dele e matar um ladrão, no final de semana em Poconé, a 104 km de Cuiabá, foi solto neste domingo (12) após passar por audiência de custódia em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. Wagner Wilton do Carmo tem 38 anos e atua como comerciante. Ele atirou no assaltante, que ainda tentou fugir e morreu depois de cair na piscina da casa.

Segundo a assessoria do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), o juiz José Luís Leite Lindote, da comarca de Várzea Grande, concedeu liberdade ao morador. O magistrado não estabeleceu nenhuma medida restritiva ao comerciante.

No entanto, ainda de acordo com o TJMT, o morador pode responder pelo crime de assassinado, dependendo do ponto de vista do Ministério Público Estadual (MPE) de Mato Grosso.

O caso

Wagner reagiu durante uma tentativa de assalto e matou um ladrão na manhã de sábado (11). Ele ficou preso na delegacia da Polícia Civil. Ao delegado plantonista, ele afirmou que agiu em legítima defesa. O morador contou que estava dormindo e ouviu a mulher gritando, alertando-o sobre o assalto.

Assaltante foi identificado como Patrick de Oliveira, segundo a Polícia Civil (Foto: Facebook/Reprodução) Assaltante foi identificado como Patrick de Oliveira, segundo a Polícia Civil (Foto: Facebook/Reprodução)

Assaltante foi identificado como Patrick de Oliveira, segundo a Polícia Civil (Foto: Facebook/Reprodução)

Inicialmente o morador havia sido conduzido para a delegacia onde daria esclarecimentos sobre o caso. No entanto, o delegado, apesar de reconhecer a legítima defesa, optou por autuar o morador pelo crime de homicídio e encaminhá-lo para audiência de custódia.

O assaltante foi identificado como Patrick de Oliveira, de 19 anos. Ele seria morador do Bairro São Mateus, em Várzea Grande, região metropolitana da capital.

Os dois homens entraram na casa e foram vistos pela mulher do morador, que já tinha acordado. Eles aproveitaram que o portão da residência estava aberto e invadiram o local. A mulher viu os dois ladrões e gritou alertando o marido sobre o assalto. Conforme a Polícia Civil, o marido estava no quarto, acordou, pegou um revólver calibre 38 e enfrentou um dos assaltantes.

O assaltante que estava armado foi baleado no coração, cambaleou por alguns metros e caiu na piscina, no quintal da residência. O outro assaltante, ao ver a reação do morador e depois de ouvir o disparo, fugiu e não foi encontrado pela polícia.

 

 

 

PUBLICIDADE
Variedades Conheça 5 novos usos para Vodka, além de bebida
Celulares Smartphone Red Hydrogen integrará holografia e estereoscopia
Variedades Saiba o que fazer para deixar seus copos brilhando após o uso
Internet Fotoramio, um espetacular editor de imagens online e gratuito
Variedades Teorias: Meteorito acabará com o mundo em 23 de setembro
Celulares Recursos legais do botão central nos fones de ouvido do iPhone
Saúde e Bem Estar Esse método pode te ajudar a parar de fumar, alguns dizem se o mais eficaz
Ciência Crânio encontrado em West Sussex sugere que as praias da região foram usadas como cemitérios
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE