Esportes

Esportes

Fechar
PUBLICIDADE

Esportes

Clube do Remo tem prazo de um mês para comprovar a movimentação financeira

 
 - Manoel Ribeiro ainda não se manifestou sobre planejamento traçado por abnegados azulinos  Foto: Maycon Nunes
Manoel Ribeiro ainda não se manifestou sobre planejamento traçado por abnegados azulinos Foto: Maycon Nunes

Embora o presidente do Clube do Remo, Manoel Ribeiro, tenha garantido mais 30 dias para anexar os documentos necessários para comprovar as movimentações contábeis dos 4 primeiros meses do ano, com data marcada para o próximo dia 9 de novembro para nova sentença, mesmo que, novamente, o Conselho Fiscal (Confis) reprove as contas, dificilmente o mandatário azulino será afastado do seu cargo. 

Isso porque a decisão final caberá aos conselheiros do clube. Como ficou claro na reunião passada, o Marechal da Vitória ainda possui grande influência entre os seus pares. Mas, se as coisas no Remo se direcionam para um possível final já pré-determinado, com a absolvição do cartola azulino, por que nada até o momento foi resolvido nos setores de futebol, financeiro e comercial do clube?

]A resposta, por mais que pareça simples, ainda é um grande problema na instituição: falta de comunicação. De acordo com o membro da nova diretoria de futebol, que aguarda oficialização no cargo, Abelardo Sampaio, a elaboração do planejamento 2017-18, no que tange as áreas essenciais do Remo, além de pronto, já foi repassado ao Conselho Diretor (Codir). 

“Todos nós, diretores, imprensa e torcedores, sabemos o momento instável no clube. Por isso, a pressa aliada ao planejamento robustos é o que o Remo precisa. Com exceção dos dias em que o Milton Campos (membro da diretoria) ficou fora do País, sempre foi colocada em conversa os planos e as pretensões. Mas ainda não decidiram nada”, comentou Sampaio, sobre o plano traçado para o Leão. “A demora indica duas possíveis coisas: ou o presidente está sendo perito para analisar nossas indicações, ou espera a decisão da próxima reunião”, destacou o dirigente.

OUTRO LADO

Em contrapartida, o cartola azulino, sempre que perguntado, garante ter fechado o pacto com a comissão. Contudo, o que se vê até o momento, além de nenhum feito pós-eliminação da Série C, é um clube desorganizado internamente, sem nenhuma perspectiva real para reverter o cenário nebuloso que preocupa a torcida.

TENDÊNCIA É PERDOAR ERROS 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Saúde e Bem Estar No inverno a pele também merece cuidados
Turismo Castelo Yester, as ruínas de uma contrução histórica envolta em misticidade
Ecologia Artista Sophie Gamand fotografa pit bulls com florais para mostrar seu lado suave e incentivar adoção
Variedades Magnum 44
Variedades Sete truques baratos que vão facilitar sua vida
Internet Fotoramio, um espetacular editor de imagens online e gratuito
Variedades Você sabe quais são os lugares mais seguros no avião?
Comportamento Tem medo do fracasso? Você tem que ler estas dicas