Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

GOIÁS - “Nossa cachaça é hoje uma das melhores do País e nós ainda não somos reconhecidos por isso”, diz deputada estadual Eliane Pinheiro, em Orizona

 
 -
Deputada acompanhou hoje o governador Marconi Perillo no aniversário de 167 anos do município, último dia do 1º Festival da Cachaça de Orizona; “A cidade será conhecida no mundo”, projetou Marconi ao citar outros festivais criados em seu governo

Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás

Quando pensou em criar uma lei instituindo o Festival da Cachaça de Orizona, em consonância com o governador Marconi Perillo, a deputada estadual Eliane Pinheiro projetava que isso alavancaria um produto que qualifica o município, com o intuito de fazê-lo reconhecido no Brasil e no mundo. Marconi não só apoiou como incentivou a criação, como fez com outros produtos e festivais desde que assumiu o governo pela primeira vez, em 1999.

Eliane Pinheiro acompanhou hoje o governador Marconi Perillo durante as festividades pelo aniversário de 167 anos de emancipação de Orizona e último dia do 1º Festival da Cachaça, da Gastronomia e Cultura da cidade, que tem como parceira a prefeitura municipal, com o apoio e a parceria do prefeito Joaquim Marçal, do Sebrae Goiás e da Goiás Turismo.

“Nossa cachaça é hoje uma das melhores do País e nós ainda não somos reconhecidos por isso. A cachaça de Minas Gerais hoje é tida como a melhor – e não é verdade. Quando pensei em criar um festival, falei com o governador, que sugeriu irmos mais além e criarmos o circuito. O objetivo é incentivar, profissionalizar e tirar os produtores de cachaça da informalidade”, explicou Eliane Pinheiro. “O Sebrae Goiás também foi parceiro importantíssimo, assim como a Goiás Turismo”, apontou.

Para Marconi Perillo, que parabenizou a população pelo aniversário, com a profissionalização de Orizona na exposição dos principais produtores de cachaça, o município será conhecido nacional e internacionalmente. A cachaça de Goiás já conseguiu um bom mercado externo e a tendência é expandir, disse o governador. “A cidade será conhecida no mundo”, projetou ele, que citou ações realizadas em outras cidades, que se tornaram marcas registradas dos municípios.

“Posso dizer que sou pé quente. Fiz o primeiro festival de cinema na Cidade de Goiás, e já está na vigésima edição. Fizemos o primeiro festival de música em Pirenópolis e já está na 19ª edição. Fizemos o primeiro de gastronomia e já está no 16º”, afirmou o governador, ao fazer referência ao Fica, Canto da Primavera e ao Festival Gastronômico de Pirenópolis, respectivamente.

Projeto de Lei de Eliane Pinheiro institui o Circuito da Cachaça

Está em fase de segunda votação na Assembleia Legislativa o projeto n° 2977/17, de autoria da deputada Eliane Pinheiro, que institui o Circuito Turístico Cultural da Cachaça no Estado de Goiás. Segundo o texto da matéria, o principal objetivo desse circuito é valorizar e divulgar as várias marcas de cachaça, produzidas nas diversas regiões do Estado, com a finalidade de melhorar a qualidade de tais produtos e dos respectivos serviços associados e estimular os produtores e o turismo.

Conforme a proposição, durante todo o período do circuito, os produtores de cachaça oferecerão ao público preços diferenciados, apresentando uma cachaça específica para o evento, divulgando suas características e as tradições de cada região.

jQuery(document).ready(function($) { $.post('http://imprensaja.com.br/portal/wp-admin/admin-ajax.php', {action: 'wpt_view_count', id: '4897'}); });

 

 

 

PUBLICIDADE
Saúde e Bem Estar Você pode se livrar de micróbios em sua escova de dentes, e só precisa de um ingrediente
Saúde e Bem Estar Tatuagens podem causar doenças, saiba os riscos antes de fazê-las
Saúde e Bem Estar Fumar ajuda perder peso? Veja como esse mito deixou doente milhões de adolescentes no mundo
Variedades Dezoito esculturas na areia que são verdadeiras obras de arte
Artes Anúncios publicitários feitos por gênios
Autos e Motos Miniatura de um Volkswagen Karmann Ghia
Variedades Como plantar abacate em casa?
Comportamento Padrões de beleza feminina em 15 diferentes países. Brasileiros são mais exigentes.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE