Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Tribunal fará mutirão para quitação de dívida trabalhista

 
 - Conciliação será promovida pelo tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região  TRT-8    Foto: Marcelo Lelis/Arquivo
Conciliação será promovida pelo tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região TRT-8 Foto: Marcelo Lelis/Arquivo

Com o objetivo de finalizar processos trabalhistas que já vêm correndo na Justiça, o Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região (TRT-8) promove, de 18 a 22 de setembro, a 6ª Semana Nacional de Execução Trabalhista. Um mutirão nas varas do TRT será feito para solucionar processos com dívidas de trabalho que estão em fase de execução, ou seja, quando já houve julgamento e condenação, mas o devedor ainda não cumpriu o pagamento.

De acordo com o desembargador Walter Roberto Paro, responsável pela coordenação das ações da semana, todas as varas do Pará e Amapá estarão mobilizadas para entrar em contato com os maiores devedores de causas trabalhistas e para dar prioridade a esse tipo de caso. “É um momento que possibilita que empregador e empregado possam sentar e reavaliar a dívida, com o objetivo de entrar em um acordo que seja viável para ambas as partes”, avalia Paro.

LEILÕES

Durante a ação, as partes interessadas devem entrar em uma conciliação, mediada por um representante do tribunal. Por exemplo, se a empresa está demorando a pagar a dívida ao trabalhador e alega não ter recursos financeiros o suficiente para quitar a conta, pode entrar em acordo com ele para chegar a um valor que possa ser quitado mais rapidamente. 

A medida de conciliação é também uma campanha que o Conselho Superior de Justiça (CNJ) e o Superior Tribunal de Justiça (STJ) vêm apoiando para agilizar o andamento dos processos. O TRT-8 ainda promoverá dois grandes leilões com bens dos devedores para angariar fundos às empresas para serem revertidos no pagamento das dívidas. 

Empregados e empregadores que estiverem interessados em conciliar e chegar a uma conclusão devem contatar a vara do Tribunal Regional do Trabalho mais próxima. “É um clamor que fazemos para que todos venham fazer uma composição no seu processo. Nosso intuito é promover relações harmônicas entre empregados e empregadores”, declara o desembargador Walter Paro.


SERVIÇO

PUBLICIDADE
Educação Bolas gigantes encontradas na Bósnia divide opinião de cientistas
Ecologia Formiga-Leão: Que monstro é esse?
Variedades Já viu como funciona uma fechadura por dentro?
Variedades Teste de atenção, encontre a letra A
Variedades Saiba porque os pacotes de batatas tem tanto ar
Saúde e Bem Estar Saiba como deixar seu banheiro higienizado e o espelho sem manchas ou embaçado
Variedades Conheça 5 novos usos para Vodka, além de bebida
Variedades Conheça alguns trabalhos nada comuns
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE