Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

BRASIL - As chances de revitalizar e melhorar a política

 
 -
Quando um procurador da República como Deltan Dallagnol, da força-tarefa da Lava Jato, não descarta a possibilidade de entrar para a política, deve ser incentivado e aplaudido

Gazeta do Povo

Nos últimos 20 anos, poucos foram os brasileiros de bem que aceitaram entrar para a atividade político-partidária e a disputar eleições no Brasil. As razões para isso e seus efeitos influenciam, cada vez mais, a decisão de se manter distância e, pior, a afastar os jovens. Fazer política no Brasil se tornou algo condenável, degrau para enriquecer sem fazer esforço e, mais recentemente, para problemas com a Justiça e a polícia.

Por isso, quando um procurador da República como Deltan Dallagnol, da força-tarefa da Lava Jato, não descarta a possibilidade de entrar para a política, deve ser incentivado e aplaudido. Nomes como o dele, com a formação e a experiência adquirida nas investigações da maior operação de combate à corrupção da história da República, seriam um alento e uma esperança para todos os brasileiros.

Dallagnol servirá como exemplo para os jovens, ao sinalizar que a política é um caminho extraordinário para se exercer o bem comum

Primeiro, porque, ao mudar seu campo de atuação, entra para a política munido de um volume de informações que, estudadas e analisadas pelos seus pares, poderiam contribuir muito para aprovar leis e mecanismos que viessem a impedir a formação de verdadeiras quadrilhas, legalmente eleitas, para desviar dinheiro público.

Em segundo, a decisão de Dallagnol, caso dispute um cargo público, na mesma seara de quem pede votos e percorre seus estados, acaba de vez com a ideia espalhada pelos atingidos pela Lava Jato de que a operação demoniza a política. Ao contrário, a decisão é um ato de fé na política e na democracia como sistema mais viável para o desenvolvimento e o crescimento das nações. Além do mais, o jovem procurador da República terá uma oportunidade que só o exercício da política oferece: conhecer in loco os grandes problemas que a sociedade brasileira enfrenta no dia a dia e acompanhar o embate ideológico no Senado ou na Câmara, para o qual é preciso conviver e respeitar os contrários na busca do consenso.

Nossas convicções:?A finalidade da sociedade e o bem comum

E, por último, Deltan Dallagnol servirá como um grande exemplo para os jovens, ao sinalizar que a política é um caminho extraordinário para se exercer o bem comum através do idealismo, boa vontade e preparação técnica. Abre, portanto, um vasto caminho para que outras lideranças, de áreas diversas, sigam para a política. E, encorajadas por Dallagnol, estarão liberadas dos medos e hesitações que surgiram com as revelações surpreendentes que traumatizam a sociedade brasileira pela desfaçatez e dimensão.

No atual momento brasileiro, quando as decepções se avolumam, estamos todos à procura de ídolos e ícones a quem admirar e em quem acreditar. E eles podem surgir de todas as camadas da população, representando o brasileiro naquilo que tem de melhor: dedicação ao trabalho, honestidade de princípios, respeito ao outro e vontade de vencer e realizar.

jQuery(document).ready(function($) { $.post('http://imprensaja.com.br/portal/wp-admin/admin-ajax.php', {action: 'wpt_view_count', id: '4880'}); });

 

 

 

PUBLICIDADE
Turismo Castelo Yester, as ruínas de uma contrução histórica envolta em misticidade
Turismo Incríveis lugares abandonados
Personalidades Os 23 atores de séries mais bem pagos
Variedades Sete truques baratos que vão facilitar sua vida
Comportamento O teste de PSICOLOGIA mais famoso: diga o que vê na foto e saiba um pouco mais sobre você
Comportamento Como você sabe se ele realmente é o homem certo para você?
Saúde e Bem Estar Fumar ajuda perder peso? Veja como esse mito deixou doente milhões de adolescentes no mundo
Ecologia Impressionante: Formigas criam pulgões como humanos domesticam gado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE