Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Prefeitos se mobilizam para garantir continuação de obras na MT-100

 
 -

Prefeitos e vereadores da região do Araguaia estiveram em Cuiabá, nesta quarta-feira (13), em busca de informações sobre uma possível paralisação das obras de pavimentação da rodovia MT-100.

Na ocasião, o presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios, Neurilan Fraga, reforçou o pedido de que o governo mantenha um diálogo aberto com os prefeitos.

“Sabemos que o estado passa por um momento de crise financeira, assim como as prefeituras, e que a situação pode acabar atrapalhando a realização de obras e repasses. Mas para sermos parceiros precisamos manter um diálogo constante, pois os primeiros a serem cobrados pela população são os prefeitos e vereadores”, frisou.

De acordo com o prefeito de Araguainha, Sílvio José, os gestores afirmaram terem recebidos informações de representantes da Empresa Sul-Americana de Montagens S/A (EMSA), responsável pelo projeto no trecho entre Alto Araguaia, Araguainha e Ponte Branca, de que o maquinário será retirado do canteiro na próxima segunda-feira (18) por conta de débitos com o governo do estado.

“Solicitamos essa reunião com o governo, pois faltam apenas 17 quilômetros para a conclusão dessa obra que é fundamental para esses municípios. Nossa intenção é buscar uma solução em conjunto, que garante a conclusão da pavimentação”, acrescentou.

O prefeito de Ponte Branca, Humberto Nogueira, aproveitou a reunião para solicitar obras emergenciais nas pontes da região.

Ele contou que a as estruturas estão em péssimo estado e não devem aguentar o período chuvoso, que se inicia no final de setembro.

“O município de referência para atendimento em saúde é Barra do Garças. Sem essa ponte, corrermos o risco de não conseguir garantir atendimento de urgência e emergência para a população”, afirmou.

O secretário Marcelo Duarte garantiu que a Sinfra está em dia com os pagamentos do referido contrato e que, caso a empresa paralise a obras, o governo do estado irá tomar as medidas legais cabíveis.

“Algumas empresas usam desse artifício para pressionar o estado, mas quero tranquiliza-los de que essa obra será finalizada”, reforçou.

Ao final da reunião, o chefe da Casa Civil, José Adolpho, colocou-se a disposição como interlocutor entre prefeitos e demais pastas do governo do estado.

ALTO ARAGUAIA

O presidente da AMM pediu uma atenção especial do governo do estado com o município de Alto Araguaia. Ele revelou que a prefeitura está enfrentando dificuldades de gestão, por conta da queda drástica de arrecadação, após a desativação do terminal ferroviário.

“Trata-se de uma situação diferenciada, que precisa de um olhar diferenciado por parte do estado”, avaliou Neurilan.

 

 

 

PUBLICIDADE
Variedades "Siga-me" se transforma em uma versão sexy
Variedades Saiba o que fazer para deixar seus copos brilhando após o uso
Comportamento O teste de PSICOLOGIA mais famoso: diga o que vê na foto e saiba um pouco mais sobre você
Turismo Incríveis lugares abandonados
Celulares Recursos legais do botão central nos fones de ouvido do iPhone
Artes Algumas criações de bons artistas
Variedades Fotos curiosas que lhe farão pensar um pouco
Celulares Novo Iphone deverá ter reconhecimento facial, lançamento previsto para 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE