Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Maduro lança '''plano coelho''' para abastecimento de carne

Governo entregou lote de coelhos à população para consumo, mas animais acabaram adotados como bichos de estimação. Autoridades também sugeriram criação da cabras para substituir carne bovina.

 
 -  Maria Galindo exibe a coelha de estimação Lola em sua casa em Caracas, na Venezuela, na quinta-feira  14   Foto: Reuters/Marco Bello
Maria Galindo exibe a coelha de estimação Lola em sua casa em Caracas, na Venezuela, na quinta-feira 14 Foto: Reuters/Marco Bello

Comer carne virou luxo para muitos venezuelanos pela crise econômica, mas o governo acredita ter a solução com o "plano coelho", uma iniciativa para incentivar a criação e o consumo desse animal.

"Para a proteína animal, que é um tema tão importante, aprovou-se o início de um 'plano coelho', porque os coelhos se reproduzem como coelhos", brincou Maduro na noite de terça-feira (12) em uma rede de rádio e televisão.

O mandatário disse que o plano faz parte da ofensiva contra a "guerra econômica" - como se refere à crise - e está sob a responsabilidade de Freddy Bernal, chefe de um programa de venda de alimentos subsidiados em setores populares.

A coelha Lola é vista na casa de sua dona, Maria Galindo, em Caracas, na Venezuela, na quinta-feira (14) (Foto: Reuters/Marco Bello) A coelha Lola é vista na casa de sua dona, Maria Galindo, em Caracas, na Venezuela, na quinta-feira (14) (Foto: Reuters/Marco Bello)

A coelha Lola é vista na casa de sua dona, Maria Galindo, em Caracas, na Venezuela, na quinta-feira (14) (Foto: Reuters/Marco Bello)

Bernal entregou recentemente um primeiro lote de crias em bairros pobres, mas, segundo ele, a ação teve um revés: as pessoas se apegaram aos mamíferos e "lhes adotaram como animais de estimação".

Por isso, propôs uma campanha "para que se entenda que o coelho não é um animal de estimação, mas dois quilos e meio de carne com alta proteína e sem colesterol colocada na mesa dos venezuelanos".

Bernal comentou que "muita gente colocou nomes nos coelhos e que os levaram para dormir na cama" e que reverter esse padrão de conduta "é parte da batalha para ganhar a guerra econômica".

O governo socialista também insinuou a criação de cabras para substituir o consumo de carne bovina.

  • Venezuela

 

 

 

Veja mais:

PUBLICIDADE
Saúde e Bem Estar 7 cuidados que devemos ter quando vamos entrar ou sair do inverno
Ecologia Tenha rosas em casa durante o ano todo
Política Os venezuelanos merecem Maduro como presidente?
Comportamento Veja como os padrões masculinos mudaram ao longo dos últimos 100 anos
Saúde e Bem Estar Limonada negra - poção ou milagre?
Imagens 13 enganos em fotos
Variedades Lavar o cabelo com Coca Cola pode melhorar o brilho
Educação Bolas gigantes encontradas na Bósnia divide opinião de cientistas
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE