Economia

Economia

Fechar
PUBLICIDADE

Economia

BC suspende garantia de recebimento no comércio com a Venezuela

 
O Banco Central (BC) suspendeu novas operações com a Venezuela no sistema de compensação de pagamentos de comércio exterior. O Diário Oficial da União de hoje (15) traz a suspensão de operações por meio do Convênio de Pagamentos e Créditos Recíprocos (CCR).

A suspensão do convênio não impede o comércio exterior entre o Brasil e a Venezuela. A medida afeta apenas a garantia dada pelo BC de recebimento do pagamento pelo bem exportado ou de reembolso no caso de importação. O convênio também permitia acesso a empréstimos do sistema financeiro.

O motivo da suspensão foi a inadimplência da Venezuela no âmbito do CCR, mecanismo do qual fazem parte os bancos centrais dos países-membros da Associação Latino-Americana de Integração (Aladi): Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, México, Paraguai, Peru, Uruguai, Venezuela e República Dominicana.

O CCR foi criado para facilitar o intercâmbio comercial na região, ao reduzir as transferências internacionais. As compensações feitas pelos bancos centrais ocorrem quadrimestralmente.

No último dia 8, o BC foi informado pelo Banco Central do Peru, centralizador de todas as transações, que a Venezuela não havia feito o pagamento relacionado ao convênio. O saldo devedor é de US$ 262,5 milhões. Por isso, o BC decidiu fazer a suspensão, que só será revertida quando o saldo devedor for pago.

 

 

 

PUBLICIDADE
Comportamento 7 sinais de que você está em um relacionamento tóxico
Comportamento Tem medo do fracasso? Você tem que ler estas dicas
Ecologia Vídeo: Vespa se alimentando
Comportamento Veja como os padrões masculinos mudaram ao longo dos últimos 100 anos
Comportamento Padrões de beleza feminina em 15 diferentes países. Brasileiros são mais exigentes.
Comportamento Quer impressionar uma garota? aqui vão algumas dicas
Política Os venezuelanos merecem Maduro como presidente?
Cinema Casais famosos no cinema que se odiavam atrás das câmeras
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE